Morte do agente Fábio Guerra: detenção do suspeito Clóvis Abreu deverá ocorrer nas próximas horas

7 abr, 13:27

Suspeito estará a tentar negociar uma entrega voluntária às autoridades

Pode acontecer ainda esta quinta-feira a detenção de Clóvis Abreu, um dos suspeitos da morte do agente da PSP Fábio Guerra.

A TVI/CNN Portugal sabe que o advogado do fugitivo está a tentar negociar com a Polícia Judiciária (PJ) a entrega voluntária do suspeito.

Advogado acusado de extorsão a negociar 

Aníbal Pinto, o advogado que está a ser julgado com o hacker Rui Pinto sob a acusação de terem tentado extorquir dinheiro ao fundo Doyen para a devolução de ficheiros desviados pelo pirata informático, é quem está agora a tentar negociar com a PJ a entrega voluntária de Clóvis Abreu.

O advogado e comentador de futebol da televisão do Correio da Manhã foi contratado pela família do fugitivo, sabe a TVI/CNN Portugal, e tenta com esta manobra da entrega do cliente afastar um pressuposto para a aplicação de prisão preventiva - o perigo de fuga, sendo que Clóvis Abreu está foragido desde o dia do crime, a 19 de março. Dois dias depois, recorde-se, foram detidos os alegados cúmplices, dois fuzileiros que estão em prisão preventiva por ordem do juiz Carlos Alexandre.

A polícia espanhola chegou mesmo a publicar nas redes sociais um alerta para Clóvis Cláudio Duval Abreu, no qual referia que procurava um cidadão português de 24 anos, suspeito do homicídio do polícia Fábio Guerra.

Num despacho assinado pela ministra da Administração Interna, publicado a 1 de abril em Diário da República, Francisca Van Dunem louvava o profissionalismo do agente e a forma "altamente meritória, competente e dedicada com que serviu a causa da segurança, da ordem e tranquilidade públicas" e anunciava que Fábio Guerra seria condecorado a título póstumo com a Medalha  de Serviços Distintos de Segurança Pública, grau ouro.

Fábio Guerra era agente da PSP e foi agredido até à morte à porta de uma discoteca de Lisboa, durante uma rixa que envolveu fuzileiros, na madrugada de dia 19 de março.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados