António Oliveira diz ter rejeitado saída do Corinthians: «Criei um elo»

17 jun, 11:01
António Oliveira (Photo by Buda Mendes/Getty Images)

O treinador português do Corinthians fez uma revelação, neste domingo

Depois do empate entre Corinthians e São Paulo, por 2-2, na Neo Química Arena, pela nona jornada do Brasileirão, António Oliveira revelou ter rejeitado uma proposta para sair do clube:

«Poderia continuar numa posição confortável onde estava antes de vir para cá. E mesmo estando aqui, poderia ter ido para outra situação, com outros recursos, e mantive-me neste projeto, apaixonei-me por este desafio. Principalmente por estes adeptos, pelos desafios, pelos jogadores, com quem criei um elo, um vínculo», garantiu, em conferência de imprensa.

«Eles também foram responsáveis por eu estar aqui. Eles pediram para eu continuar. Isso é passado, não interessa mais. Só digo que, cada vez mais, com os desafios que estão aparecer, estou cada vez mais apaixonado por esse clube que me entrego de corpo e alma, e todos os dias acordo com uma disponibilidade enorme para poder novamente começar a trabalhar», explicou o filho de Toni, símbolo do Benfica.

António Oliveira assumiu o novo desafio no clube já no decorrer da época de 2024, obtendo 12 vitórias em 25 jogos. Em nove jornadas, o clube está em 16.º classificado na Liga brasileira, um ponto acima do primeiro classificado. 

Antes deste desafio, Oliveira já teve vários trabalhos no Brasil, como no Cuiabá, Coritiba, Athletico Paranaense e Santos, como adjunto de Jesualdo Ferreira. 

Relacionados

Brasil

Mais Brasil

Patrocinados