Esquema de imigração ilegal: seis detidos ficam em prisão preventiva

Henrique Machado , Daniela Rodrigues
18 jul, 15:24

EM ATUALIZAÇÃO

Os seis detidos da megaoperação da Polícia Judiciária ao esquema de imigração ilegal ficam todos em prisão preventiva.

A Polícia Judiciária deteve esta segunda-feira seis pessoas na região de Lisboa no âmbito de uma operação que desmantelou uma organização criminosa de imigração ilegal que operava em vários países da Europa. 

Em comunicado, a PJ indica que a Unidade Nacional Contra Terrorismo daquela polícia realizou esta segunda-feira uma operação policial destinada ao desmantelamento de uma organização com atividade criminosa que operava em Portugal, França, Espanha e Alemanha suspeita de crimes de associação criminosa, tráfico de pessoas, auxilio à imigração ilegal e falsificação de documentos.

Segundo a PJ, a rede agora desmantelada proporcionava a imigrantes em situação irregular em toda a Europa a possibilidade de se deslocarem a Portugal no sentido de regularizar a sua situação junto do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras com vista à obtenção de autorizações de residência, na sua grande maioria recorrendo a documentos falsificados.

Já esta terça-feira, a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica fechou 11 alojamentos locais em Lisboa e instaurou seis processos de contraordenação, na sequência da operação que desmantelou uma organização criminosa de imigração ilegal, a operar em vários países da Europa.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados