Adolescente de 17 anos entrega-se às autoridades alemãs por ataque a eurodeputado do SPD

Agência Lusa , NM
5 mai, 12:56
Matthias Ecke (Getty)

Jovem se dirigiu às autoridades em Dresden, no leste da Alemanha, e afirmou ser “o agressor que atingiu o político do SPD

Um adolescente de 17 anos entregou-se este domingo às autoridades alemãs, alegando ser um dos autores do violento ataque de sexta-feira a um eurodeputado social-democrata em campanha, anunciaram as autoridades locais.

A polícia alemã informou, em comunicado, que o jovem se dirigiu às autoridades em Dresden, no leste da Alemanha, e afirmou ser “o agressor que atingiu o político do SPD”, o partido do chanceler Olaf Scholz.

O atentado contra o eurodeputado Matthias Ecke ocorreu na sexta-feira à noite em Dresden, quando este estava sozinho a colar cartazes no arranque da campanha eleitoral para as eleições europeias, marcadas para 09 de junho.

O eurodeputado, que encabeça a lista do SPD na região da Saxónia para as eleições europeias, não é o primeiro a visar políticos alemães nos últimos meses, fazendo soar os alertas sobre a possibilidade de um crime com motivações políticas.

De acordo com a polícia regional, o eurodeputado de 41 anos foi espancado por quatro homens não identificados quando afixava cartazes, sendo obrigado a "receber tratamento médico no hospital", acrescenta o comunicado citado pela agência francesa de notícias, a France-Presse (AFP).

Vários responsáveis políticos alemães, incluindo o chanceler Olaf Scholz, condenaram o violento ataque.

Na quinta-feira à noite, dois deputados eleitos pelos Verdes, partido que governa com o SPD, foram atacados em Essen, no oeste da Alemanha, tendo um deles sido atingido no rosto, segundo a polícia.

O SPD do estado da Saxónia está a reforçar as medidas de segurança impedindo que, a partir de agora, os seus membros levem a cabo ações de campanha sozinhos. Devem estar sempre em grupos de quatro ou cinco para poderem reagir a potenciais ataques. Além disso, a polícia será informada antecipadamente sobre a colocação de cartazes.

Relacionados

Europa

Mais Europa

Patrocinados