Liga: Horta que dá frutos e um médio 'enganador' em Famalicão

6 jan 2020, 18:03
Belenenses-Sp. Braga

Jogador da jornada foi o extremo do Sp. Braga, mas já ouviu falar de Uros Racic?

No vendaval que foi a exibição do Sp. Braga no Jamor, na estreia de Rúben Amorim como treinador da equipa principal, Ricardo Horta foi o maior agitador.

Dois golos e uma assistência nos primeiros 45 minutos contribuíram de forma decisiva para o passeio arsenalista que terminou na maior goleada da Liga até ao momento: 7-1.

A exibição de Ricardo Horta, que lhe valeu a nota máxima por parte do Maisfutebol, podia ainda ter sido pontuada com mais um golo ou dois, se o extremo tivesse mantido na segunda parte a eficácia que mostrou na primeira.

Ainda assim, motivos mais do que suficientes para Horta ser a figura desta ronda 15.

O golo da jornada:

Médio defensivo? É mesmo essa a posição de Uros Racic? Destro, de certeza?!

Permita-nos duvidar. A avaliar pelo golo que o médio sérvio marcou ao V. Setúbal e que fechou as contas da partida, todas as informações que havia sobre o jogador emprestado pelo Valência ao Famalicão estavam erradas.

Veja e diga-nos se não temos razão:

A defesa da jornada:

Depois de não ter ficado isento de culpas na forma como o Clássico começou a pender para o FC Porto, Maximiano arrancou para uma exibição segura. Já depois de os dragões terem chegado ao 2-1, o guarda-redes do Sporting travou duas vezes Luis Díaz, sendo que na segunda, já em período de descontos, foi uma defesa de elevado grau de dificuldade.

Relacionados

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados