Portugal vai formar "no imediato" militares ucranianos no uso de carros de combate

13 jun, 15:17

O ministro da Defesa diz que se trata de uma "prioridade"

O ministro da Defesa, Nuno Melo, anunciou esta quinta-feira que Portugal está disponível para formar militares ucranianos na utilização de carros de combate, à semelhança do que já está a ser feito com os caças F-16 em solo português.

Em declarações aos jornalistas em Bruxelas, onde decorre uma reunião dos ministros da Defesa da NATO, Nuno Melo explicou que esta formação "implica treino naquilo que é o desempenho da artilharia, em carros de combate, em Portugal".

"Como sabe, nós temos já militares ucranianos a serem treinados em Portugal, no universo F-16 […], e agora também no que tem que ver com terra e os carros de combate, que são uma prioridade”, acrescentou.

Segundo o governante, a assinatura para o acordo será feita esta tarde, e não há ainda data para início desta ação de formação, mas a disponibilidade de Portugal para essa formação é "imediata".

Governo

Mais Governo

Patrocinados