Quer reforçar competências sem gastar um cêntimo? Esta tecnológica quer formar 1.500 developers até final do ano

ECO - Parceiro CNN Portugal , Joana Nabais Ferreira
5 jan, 18:00
Computador

Programa é gratuito e conta com uma formação online com a duração de duas semanas (num total de 35 horas de formação remota), em horário pós-laboral

A OutSystems acaba de anunciar o lançamento de cinco novas edições públicas das Escolas Low-Code (Developer School Project). Entre janeiro e fevereiro de 2023, a tecnológica estima formar 125 profissionais. Mas a meta até ao final do ano fixa-se nos 1.500 developers.

“A próxima ronda de formações das Escolas Low-Code de Alta Performance da OutSystems dirige-se a programadores com, pelo menos, dois anos de experiência, que tenham interesse e motivação em expandir as suas competências e em aprender a trabalhar na plataforma OutSystems”, afirma Miguel Baltazar, vp of developers da OutSystems.

“Através deste programa, daremos também a oportunidade de se conectarem com os nossos parceiros e clientes, que estão ativamente a recrutar especialistas nesta tecnologia. O nosso objetivo é formar 1.500 novos developers até ao final de 2023 através deste programa”, avança, em comunicado.

O programa é gratuito e conta com uma formação online com a duração de duas semanas (num total de 35 horas de formação remota), em horário pós-laboral.

As cinco edições vão decorrer em diferentes fusos horários, entre os dias 16 de janeiro e 17 de fevereiro, para que programadores de todo o mundo tenham a oportunidade de participar.

Desde 2020, as Escolas Low-Code da OutSystems já formaram mais de 2.600 programadores tradicionais, sendo que mais de 65% dos formandos já trabalharam em projetos criados através da plataforma da OutSystems. Atualmente, a comunidade global OutSystems conta com mais de 600 mil membros.

Saiba mais sobre as cinco formações e respetivos horários na página da iniciativa.

Relacionados

Empresas

Mais Empresas

Patrocinados