Árbitros portugueses na Turquia: «Sinal de reconhecimento da competência e seriedade»

13 abr, 00:15
Apito de árbitro (AP)

Luciano Gonçalves, presidente da APAF, mostrou-se satisfeito com a nomeação de árbitros portugueses para o VAR nos jogos decisivos do campeonato turco

Luciano Gonçalves, presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), falou sobre o facto de árbitros portugueses terem sido destacados para as funções de vídeoárbitro (VAR) nos próximos jogos decisivos do campeonato turco.

«É um sinal de reconhecimento da competência e seriedade dos nossos árbitros. Estão a colocar em causa o sistema classificativo dos árbitros turcos, se está correto ou não. Se chamam árbitros portugueses, naturalmente que isso nos deixa satisfeitos», referiu esta sexta-feira, na tomada de posse dos órgãos sociais da APAF, depois de vencer as eleições com 100 por cento dos votos.

«A questão que se coloca ali, efetivamente, é eles estarem a ter problemas internos na classificação e funcionamento dos árbitros. Felizmente, em Portugal não temos esse problema. O problema aqui tem um bocadinho a ver com o excesso do que se fala fora das quatro linhas e não com um tema tão intrínseco como eles têm lá».

De recordar que Fábio Melo vai estar no jogo entre o Alanyaspor e o líder Galatasaray, de Sérgio Oliveira, enquanto que André Narciso vai marcar presença no duelo entre o Karagumruk e o Fenerbahçe.

«Ficamos satisfeitos por ver as várias instituições também interessadas no melhor para a arbitragem e em dar-nos as melhores condições. Os árbitros querem errar o menos possível e chegar a casa descansadinhos da vida. Os árbitros também não gostam que isso aconteça. Querem fazer o seu melhor, chegar ao balneário satisfeitos, chegarem a casa e poderem fazer a vida normal. É para isso que trabalham todos os dias», garantiu.

A Federação Turca de Futebol anunciou esta sexta-feira que até ao final da época, os jogos de alto risco do campeonato turco vão ter no VAR árbitros estrangeiros, entre os quais de Portugal.

 

Relacionados

Patrocinados