Sabe quem é Abel Makkonen Tesfaye? A peça essencial do plano para "matar o The Weeknd"

15 mai 2023, 16:42
The Weeknd vai atuar no intervalo do Super Bowl

O próximo álbum de Tesfaya poderá ser o último como The Weeknd. "Eu já disse tudo o que podia dizer"

O artista canadiano, conhecido por The Weeknd, mudou, esta segunda-feira, o nome nas suas contas de Twitter e Instagram para Abel Makkonen Tesfaye - o seu nome de nascimento. A mudança faz parte do seu plano para “matar the Weeknd”, disse o artista  à W Magazine numa entrevista publicada a 8 de maio.

"Estou a passar por um caminho libertador neste momento", disse o músico, "está a chegar um lugar e a uma altura em que me estou a preparar para fechar o capítulo Weeknd”. O músico promete continuar no ramo musical mas não dá garantias relativamente ao nome com que se vai apresentar em palco, e mesmo que se apresente como The Weeknd, já traçou o fado do nome artístico. “Eu ainda quero matar o The Weeknd. E eu vou. Eventualmente. Estou definitivamente a tentar livrar-me dessa pele e renascer".

O próximo albúm de Tesfaya poderá ser o último como The Weeknd. "Isso é algo que eu tenho que fazer. Como The Weeknd, eu já disse tudo o que podia dizer", diz à W Magazine.

O prestígio do cantor e compositor 

Os prêmios abriram as portas ao cantor, que já conquistou dois novos Recordes Mundiais do Guinness - por ter o maior número de ouvintes no Spotify, com 111,4 milhões em março, e por se ter tornado o primeiro artista a atingir 100 milhões de ouvintes mensais. O aumento do número de ouvintes deveu-se, em parte, ao facto de um remix de "Die for You", com Ariana Grande, se ter tornado viral no TikTok, segundo o Guinness.

O cantor e compositor é ainda, estatisticamente, o músico mais popular do planeta, de acordo com o Recordes Mundiais de Guinness.

A faixa alcançou o primeiro lugar na Billboard Hot 100 - e foi a sétima vez que The Weeknd chegou ao topo. O original "Die for You" foi lançado em 2016 no seu álbum "Starboy".

Relacionados

Música

Mais Música

Patrocinados