Nadal comentou libertação de Djokovic: «A justiça falou»

10 jan, 10:16
Rafael Nadal e Novak Djokovic (AP Photo/Gregorio Borgia)

Tenista espanhol falou em «circo» em redor do tenista sérvio na Austrália

Rafa Nadal comentou a decisão de um juiz ter decidido libertar Novak Djokovic que estava detido deste a passada quinta-feira em Melbourne. O tenista espanhol considera que «a justiça falou» e agora é tempo de acabar com o «circo» que se montou à volta do tenista sérvio.

«Parece-me perfeito e totalmente correto. Nada mais. A justiça é que tinha de se pronunciar sobre este caso e sempre fui um defensor da justiça, em todas as causas. Afinal de contas, montou-se um circo em redor de muitas histórias e, mesmo que possa não estar de acordo com algumas coisas de Djokovic, não há dúvidas que a justiça falou e disse que ele tem o direito de participar no Open da Austrália e realmente é o mais justo», destacou.

O tenista espanhol terá, assim, mais concorrência na luta pelo primeiro Grand Slam do ano. «A nível pessoal preferia que ele não jogasse (risos). Isto é só um desporto, há muitos interesses à volta do desporto, a nível geral, económico, publicitário e, nesse sentido, é muito melhor quando os melhores podem jogar», comentou.

Nas redes sociais gerou-se uma verdadeira guerra entre os apoiantes e os críticos de Djokovic. «Às vezes penso que os assuntos nas redes sociais radicalizaram-se muito e há carta livre para as pessoas expressarem-se e dizerem muitas coisas que não diriam cara a cara ou na rua. Cada um deve ser livre para tomar as próprias decisões, mas cada decisão tem as suas consequências», destacou ainda.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Patrocinados