Farto de não conseguir dormir devido a coaxos, vizinho faz queixa de vizinho

CNN Portugal , MCP
10 mai 2023, 16:48
sapos (pexels)

No último episódio de zangas entre vizinhos, Colette Ferry, de 92 anos, habitante de uma pequena vila rural situada na região dos Alpes franceses, abriu a porta a dois polícias que o informaram que iriam levar três sapos do lago da sua casa. O delito em causa? A perturbação do sono do vizinho.

Segundo a polícia, a queixa veio de um vizinho que não conseguia dormir por causa do barulho que os anfíbios produziam.

O Guardian conta que, numa entrevista numa rádio local sobre este caso, Colette Ferry explicou que só os peixes eram dela e que os sapos tinham aparecido por ali mas que não a incomodavam - pelo contrário: “Eles andam dentro e fora de água e brincam com os meus peixes. É o meu entretenimento”.

“O vizinho veio até minha casa e estava a gritar comigo, a dizer que não conseguia dormir e tinha de trabalhar, mas eu não esperava a polícia. Especialmente por causa de sapos! Mas há sempre alguém pronto a reclamar de outra pessoa”, lamentou Colette Ferry.

Por causa deste tipo de conflito, os políticos locais aprovaram há dois anos uma lei para salvaguardar o impacto dos ruídos e cheiros do campo com base na premissa de que “viver no campo implica aceitar alguns incómodos”, disse Joël Giraud, na altura ministro da Vida Rural.


 

Relacionados

Europa

Mais Europa

Patrocinados