Lula da Silva vai reunir-se com Nicolás Maduro na Argentina

Agência Lusa , MJC
23 jan, 14:02
Lula da Silva (EPA)

 O Presidente do Brasil chegou no domingo à Argentina para uma visita em que lançará dois projetos de integração, ponto de partida para recuperar o terreno perdido em matéria internacional, pelo seu antecessor

O Presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, reúne-se esta segunda-feira em Buenos Aires com o homólogo da Venezuela, Nicolás Maduro, num encontro paralelo durante a primeira visita oficial que o novo governante brasileiro realiza à Argentina.

A confirmação do encontro entre Lula da Silva e Maduro ocorreu após a alteração dos compromissos previstos na agenda do Presidente brasileiro, embora a possibilidade de esta reunião ocorrer já ter sido avançada pela imprensa local, que citava fontes de Brasília sobre seis reuniões bilaterais do chefe de Estado brasileiro na Argentina, incluindo também um encontro com o Presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel.

 O Presidente do Brasil chegou no domingo à Argentina para uma visita em que lançará dois projetos de integração, ponto de partida para recuperar o terreno perdido em matéria internacional, pelo seu antecessor, Jair Bolsonaro.

A visita oficial de Lula à Argentina antecede a sua participação, esta terça-feira, na Cimeira da Comunidade dos Estados Latino-americanos e Caribenhos (CELAC), na qual participam os 33 países da região - incluindo o Brasil, que regressa ao fórum regional do qual Bolsonaro tinha retirado o país em janeiro de 2020, alinhado com os interesses de Donald Trump de esvaziar a voz de Cuba, Venezuela e Nicarágua, regimes autoritários da região.

Depois da Argentina, Lula da Silva visita o Uruguai, na quarta-feira, para uma reunião com o Presidente Luis Lacalle Pou.

Relacionados

Brasil

Mais Brasil

Patrocinados