Divulgada a causa da morte de Ivana Trump

16 jul, 00:15
Ivana Trump, aqui numa imagem de 2018, morreu aos 73 anos [Foto: Evan Agostini/Invision/AP]

Autópsia confirmou que não existiu crime

Ivana Trump morreu de causas acidentais, de acordo com a autópsia realizada em Nova Iorque e cujos resultados foram divulgados esta sexta-feira. A antiga mulher de Donald Trump acabou por falecer como resultado de um traumatismo contundente na zona do peito.

Um porta-voz da polícia confirmou que a mulher de 73 anos tinha sido encontrada sem vida nas escadas do apartamento onde vivia, em Manhattan, acrescentando na altura que não havia suspeitas de crime, algo que agora foi confirmado pela autópsia. As autoridades acreditam que terá caído naquele local, hipótese que agora é reforçada pelos resultados da autópsia.

"O examinador médico determinou a causa da morte como um acidente causado por lesões de impacto no peito", pode ler-se num comunicado divulgado após a autópsia à antiga modelo.

Os bombeiros de Nova Iorque declararam apenas que responderam a uma emergência com uma pessoa em paragem cardíaca numa residência, acrescentando que a vítima estava já morta à chegada dos socorristas.

Ivana Trump, que cresceu na antiga Checoslováquia, casou-se com Donald Trump em 1977. O casal divorciou-se em 1992.

A família Trump também divulgou um comunicado a lamentar a morte de Ivana: "É com profunda tristeza que anunciamos o falecimento da nossa amada mãe, Ivana Trump. A nossa mãe era uma mulher incrível - uma força nos negócios, uma atleta de classe mundial, uma beleza radiante e uma mãe e amiga carinhosa. Ivana Trump foi uma sobrevivente".

Relacionados

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados