Maratona Cidade do México: mais de 11 mil participantes sob suspeita de fraude

6 set 2023, 14:29
Maratona Cidade do México (Hector Vivas/Getty Images)

Em causa estão irregularidades nos chips de corredores ao longo dos 42,195 quilómetros

A Maratona da Cidade do México 2023, que teve lugar no último domingo, está agora «manchada» por uma suposta fraude.

De acordo com algumas partilhas nas redes sociais, cerca de 11 mil terão adulterado os valores dos chips que lhes foram atribuídos, ou seja, não terão corrido os 42,195 quilómetros (km) na sua totalidade.

Segundo o jornal mexicano ‘Mediotiempo’ e o diário espanhol ‘Marca’, os organizadores do evento, perante a situação, consideram a possibilidade de desqualificar e retirar as medalhas desses 11 mil participantes.

Nas redes sociais, foram partilhadas publicações que, de facto, denunciaram os esquemas de várias pessoas, dos quais se verificou a ausência de registos nos quilómetros 10, 15 e 30, entre outros.

Ainda de acordo o mesmo diário espanhol, os corredores envolvidos na fraude terão recorrido a transportes públicos ou veículos particulares para cortar caminho.

A Maratona Cidade do México detém a prestigiada etiqueta de ouro da World Athletics, e perante estas alegações, anunciou a realização de uma investigação a vários atletas. Caso se comprove a fraude, os respetivos tempos serão invalidados. O Instituto do Desporto da Cidade do México emitiu um comunicado no qual afirmou que «procederá à identificação dos casos em que os participantes do XL Maratona da Cidade do México Telcel 2023 tenham demonstrado uma atitude antidesportiva durante o evento e invalidará os respetivos tempos registados».

A organização sublinhou ainda que este evento não é apenas uma celebração significativa para todos os habitantes da cidade, mas também uma oportunidade para reafirmar os valores fundamentais do desporto.

Relacionados

Patrocinados