Saiba tudo sobre o Euro aqui

Sobrevivente do Holocausto morre em bombardeamento russo a Kharkiv

21 mar 2022, 14:01
Boris Romantschenko (Memorial de Buchenwald e Mittelbau-Dora)

Boris Romantschenko tinha 96 anos. O prédio onde vivia foi atingido por um projétil

Um sobrevivente do Holocausto morreu num bombardeamento russo na cidade de Kharkiv, no leste da Ucrânia. A notícia foi avançada pela sua neta, que confirmou que Boris Romantschenko, de 96 anos, morreu na sexta-feira, quando o prédio onde vivia foi atingido por um projétil.

Romantschenko sobreviveu aos campos de concentração de Buchenwald, Peenemünde, Mittelbau-Dora and Bergen-Belsen. Em comunicado, a Fundação dos Memoriais de Buchenwald e Mittelbau-Dora confessou estar “muito afetada” pela notícia.

A Fundação adiantou também que Romantschenko fez campanha “intensiva” para que os crimes dos nazis continuassem a ser lembrados. O homem de 96 anos foi também vice-presidente do Comité Internacional Buchenwald-Dora.

Kharkiv tem sido das cidades mais atacadas pelas tropas russas. De acordo com as últimas estimativas das autoridades ucranianas, já morreram na cidade 266 civis, incluindo 14 crianças, desde o início da invasão russa, iniciada a 24 de fevereiro.

Relacionados

Europa

Mais Europa

Mais Lidas

Patrocinados