Portugal
22'
0 - 0
Chéquia

Sainz: «Não é a melhor sensação, mas tenho consciência do meu valor»

8 fev, 11:14
Carlos Sainz e Charles Leclerc, Ferrari (AP Photo/Luca Bruno)

A preparar a derradeira época pela Ferrari, Sainz diz-se «tranquilo» quanto ao futuro

A época 2025 da Ferrari continua a dar que falar e Carlos Sainz ainda não esgotou as reações. A preparar a nona época na Fórmula1 – a quarta e última pelo «Cavallino» – o espanhol está forçado a encontrar uma nova equipa, depois de a Ferrari anunciar a contratação de Lewis Hamilton no final deste ano.

Na quarta-feira, em entrevista à Sky, Sainz garantiu não estar desapontado com a opção da equipa: «Conheço a Ferrari por dentro, já sabia de alguns pormenores e preparei-me para eventuais mudanças».

Em todo o caso, o espanhol, de 29 anos, ressalva que esta «não é a melhor sensação» para aquecer os motores para a nova temporada, que arranca no final de fevereiro e tem a primeira corrida agendada para 2 de março no Bahrain.

«Tenho consciência do meu valor e, por isso, estou muito tranquilo. Coisas boas certamente virão e estou mais motivado do que nunca. O meu objetivo continua a ser fazer o meu melhor. No momento que colocar o capacete no Bahrain, o único objetivo será vencer o Mundial», atirou.

Há uma semana, nas redes sociais, o piloto anunciou o fim da ligação à Ferrari após a época que se avizinha. Ainda assim, não desvendou qualquer novidade para 2025.

A Ferrari apresenta o carro para esta temporada, o SF-24, na terça-feira, 13 de fevereiro.

 

Relacionados

Patrocinados