Um "gesto covarde". Imagens mostram local turístico em Itália vandalizado com pó vermelho

10 jan, 09:21

Autoridades estão a investigar o ataque que pintou de vermelho a Escada dos Turcos

A Escada dos Turcos (Scala dei Turchi), em Realmonte, no sul da Sicília, em Itália, foi "vergonhosamente vandalizada" na sexta-feira à noite. Desconhecem-se os autores do ataque.

De acordo com a imprensa internacional, o ponto turístico - um dos mais visitados em Itália - foi pintado de vermelho com recurso a pó vermelho que foi espalhado pelo declive junto ao mar. 

As primeiras inspeções ao local dão conta que o material usado foi pó de óxido de ferro vermelho, um elemento fácil de eliminar. Na parte inferior da arriba, a rebentação rapidamente eliminou os vestígios do vandalismo, já no topo, vários voluntários de Realmonte procederam à limpeza para devolver o branco à Escada dos Turcos.

"O esplêndido penhasco de pedra branca da Scala dei Turchi, uma atração da área de Agrigento para visitantes de todo o mundo, foi vergonhosamente vandalizado. Condenamos os autores deste gesto covarde. Constitui um ultraje não só a um bem de rara beleza, mas também à imagem da nossa ilha. Espero que as autoridades identifiquem rapidamente os responsáveis”, afirmou Nello Musumeci, presidente da Sicília.

Está em curso uma investigação para tentar identificar quem levou a cabo o ataque no ponto turístico que, em 2019, foi submetido como candidato a património mundial da Unesco.

Europa

Mais Europa

Patrocinados