Quase metade dos contratos públicos feitos por ajuste direto

12 abr, 07:20
Construção

REVISTA DE IMPRENSA || Setores da construção e da saúde foram o que mais recorreram

Quase metade dos contratos públicos realizados no ano passado foram feitos por ajuste direto, avança o Jornal de Notícias.

Segundo o jornal, que cita dados da especialista em estatísticas de empresas, "Informa D&B", quase 172 mil vínculos públicos celebrados em 2023, 47% foram ajustes diretos.

Os setores da construção e da saúde foram o que mais recorreram a esta forma de contratação.

Apesar do volume ainda elevado, os ajustes diretos diminuíram no ano passado e atingiram o valor mais baixo dos últimos 5 anos.

País

Mais País

Mais Lidas

Patrocinados