Mário Silva arrasador: «Cresci num bairro social e ensinaram-me a honrar a palavra»

Adérito Esteves , Estádio José Alvalade, Lisboa
15 mai, 00:04

Treinador do Santa Clara após o final de época e sem garantia de renovação

Mário Silva, treinador que levou o Santa Clara ao sétimo lugar da Liga, mostrou-se muito desagradado com a forma como foi tratado nos últimos dias, quando esperava assinar a renovação de contrato, algo que ainda não aconteceu e que não acredita que aconteça

«Quero começar por dar os parabéns aos jogadores e à equipa técnica e todos os que trabalharam comigo este ano e que tudo fizeram para me ajudaram a ajudar os jogadores.

Conseguimos o sétimo lugar, felizmente. Ao contrário do que diziam e pensavam quando chegámos, não só não descemos, como conseguimos a segunda melhor classificação de sempre do clube. Conseguimos o recorde de invencibilidade em casa, só perdemos na segunda volta com os grandes e só tenho a agradecer aos jogadores.

Da minha parte, continuo a dizer que tenho total abertura para ficar no Santa Clara. Sempre disse que queria continuar, o clube também disse que queria que eu ficasse, mas na última semana começaram a surgir todas estas notícias. Quando dou a minha palavra, dou mesmo de verdade. Vivi num bairro social do Porto, e os meus pais ensinaram-me a honrar sempre a minha palavra. Há uma semana, faltava apenas o presidente assinar o contrato. Adiaram dia para dia, até ao limite final que era o dia do jogo, porque não é justo estarmos a pensar noutras coisas no dia do jogo.

Surgiram novos investidores a dizer que queriam trazer o seu treinador, e talvez por isso é que nunca surgiu a assinatura do presidente no contrato.

Seja como for, levo este grupo de trabalho e os adeptos no coração. Tenho sentimentos e não é fácil ver notícias com o nosso nome. Estou aqui a ser honesto e a dizer o que se passou. Quem disser o contrário está a mentir.

Espero que o Santa Clara tenha muito sucesso, acredito que se as coisas não aconteceram até agora, não deverão acontecer.

Com tanta instabilidade, com salários e prémios em atraso, este grupo terminar no sétimo lugar é um título para nós.»

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados