Amorim: «Jogaram os que tiveram andamento máximo durante a semana»

Ricardo Gouveia , Estádio de Alvalade
30 set, 22:20

Treinador explicou a opção de Paulinho em detrimento de Edwards frente ao Gil Vicente (3-1)

Ruben Amorim, treinador do Sporting, em conferência de imprensa, depois da vitória sobre o Gil Vicente (3-1), no estádio de Alvalade, em jogo da 8.ª jornada da Liga:

Poupou o Edwards a pensar na Champions?
- Os que jogaram hoje foram os que tinham de jogar. Num clube como o nosso não podemos estar a dar jogos de borla. Esta é a nossa competição principal, não podemos mudar consoante os resultados. Não foi para poupar o Marcus. Jogaram aqueles que tiveram o andamento máximo durante a semana. Escolhi o Paulinho pelas características. Lembrar que sem o Coates, os médios-centro são mais baixos, temos pouca gente para as bolas paradas e o Paulinho era mais um para as bolas paradas. Todos os pormenores contam. Qualquer bola parada pode resultar num golo, depois estamos a sofrer.

Um jogo tranquilo, foi o jogo ideal antes do regresso da Champions (frente ao Marselha)?

- A equipa é que tornou o jogo tranquilo, para mim nunca é tranquilo. Às vezes há jogadores que precisam de descansar. O Ugarte fez dois jogos na seleção, teve de descansar. Não poupei nenhum jogador para o próximo jogo. Temos jogos de três em três dias e ganhar este jogo é a melhor preparação para o próximo.

Relacionados

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados