Mau tempo preocupa seguradoras: há milhares de participações e elevadas indemnizações para pagar

Agência Lusa , WL
13 dez 2022, 18:26

Associação do setor recomenda aos proprietários de casas e carros afetados que contactem as suas empresas de seguro, com o registo de todos os danos causados pelo mau tempo

A Associação Portuguesa de Seguradoras (APS) anunciou que "haverá já milhares de ocorrências participadas e valores significativos de indemnizações a processar" devido ao mau tempo, acrescentando que decorre um inquérito para apuramento dos danos cobertos pelas seguradoras.

"De acordo com as primeiras indicações que vão sendo obtidas, haverá já milhares de ocorrências participadas e valores significativos de indemnizações a processar, e as seguradoras tudo farão para que os seus clientes, individuais e empresas possam retomar a normalidade da sua vida com a maior rapidez possível", afirma a APS em comunicado.

A APS informa que já está a decorrer um inquérito junto das suas associadas para apuramento dos danos cobertos por contratos de seguro, consequência da atual intempérie, e fará uma atualização da informação "logo que possível".

"As empresas de seguros estão a tomar, individualmente, medidas específicas para assegurar a pronta resposta aos seus clientes, deslocando equipas de profissionais experientes para o local, abrindo canais específicos de comunicação, agilizando a regularização dos sinistros e prestando o apoio e assistência às pessoas afetadas que beneficiam da proteção que os seguros conferem", avança a associação.

A APS recomenda aos tomadores de seguro que contactem as respetivas empresas de seguros, através dos canais de comunicação disponíveis e que registem – através de fotografia, por exemplo – todos os danos materiais causados sobre os seus bens.

A associação defende a criação em Portugal de um "sistema de proteção de riscos catastróficos, do qual as seguradoras possam fazer parte, numa lógica de colaboração entre o setor privado e público, para que as pessoas e empresas afetadas possam ver os prejuízos sofridos reparados de forma mais célere e completa".

Relacionados

Meteorologia

Mais Meteorologia

Patrocinados