Rei Carlos III inaugura primeira estátua póstuma da Rainha Isabel II

CNN , Amarachi Orie
10 nov, 22:16
Rei Carlos III inaugura primeira estátua póstuma da Rainha Isabel II. Foto: Samir Hussein/WireImage via Getty Images

A estátua tem vista para uma nova praça pública que se tornará a Praça da Rainha Isabel

O rei Carlos III inaugurou a primeira estátua da sua falecida mãe, a Rainha Isabel II, desde a sua morte, em setembro.

A nova escultura na cidade inglesa de York foi inaugurada na quarta-feira, às portas de York Minster, a maior catedral gótica da Grã-Bretanha, e presta homenagem à vida de serviço e dedicação da falecida monarca.

“Quando esta estátua começou a ser planeada há cinco anos, durante um reinado de duração e feitos sem precedentes, foi concebida como uma celebração do jubileu de platina da falecida Rainha”, disse o Rei num discurso numa cerimónia de inauguração chuvosa enquanto segurava um guarda-chuva preto.

“Agora, ao termos testemunhado, com grande tristeza, o fim desse reinado, é inaugurada em sua memória, como homenagem a uma vida de extraordinário serviço e dedicação”, prosseguiu.

“A falecida Rainha esteve sempre atenta ao bem-estar do seu povo durante a vida. Agora, a sua imagem terá vista para aquela que se tornará a Praça da Rainha Isabel durante séculos”, acrescentou, antes de puxar o pano roxo que cobria a estátua, que tem vista para a nova praça pública de York, por cima de uma das entradas da catedral.

Antes da inauguração, o arcebispo de York, Stephen Cottrell, descreveu a “ocasião única” como um “momento extremamente comovente” em homenagem “à longa vida e serviço de Sua Falecida Rainha Isabel ao seu povo, à sua nação e à Commonwealth”.

A Rainha morreu aos 96 anos no dia 8 de setembro, poucos meses depois de celebrar o número inédito de sete décadas no trono.
A sua estátua comemorativa, que foi desenhada e esculpida pelo artista Richard Bossons, de York Minster, tem pouco mais de 1,98 m de altura e pesa cerca de 1800 quilos.

O Rei foi presenteado com um modelo da escultura, desenhado e esculpido pelo artista Richard Bossons. Foto: Danny Lawson/AFP/Getty Images

A escultura em calcário francês mostra a falecida Rainha em vestes de Jarreteira, coroada com o Diadema do Estado de Jorge IV, e segurando a esfera e o cetro – símbolos do seu papel como chefe da Igreja e do Estado.

“Ela permanecerá orgulhosa e resoluta no seu nicho, acolhendo tanto os fiéis como os visitantes", disse Bossons em comunicado.
Uma chegada manchada

Ao início de quarta-feira, um homem de 23 anos foi detido “por suspeita de delito de ordem pública" depois de terem sido atirados ovos ao Rei e à Rainha Consorte durante a visita destes a York, segundo a polícia de North Yorkshire.

Nenhum dos ovos atingiu o casal real, que continuou com o seu compromisso, encontrando-se com membros da comunidade local.

O homem foi interrogado e libertado sob fiança policial, informou a autoridade numa atualização na quinta-feira.

Max Foster, Lauren Said-Moorhouse, Eve Brennan e Chris Liakos, da CNN, contribuíram para este artigo.

Europa

Mais Europa

Patrocinados