PJ apreende 1.470 quilos de cocaína num veleiro em alto mar e detém dois estrangeiros

Agência Lusa , CE
31 mai, 00:52
Cocaína apreendida

Os detidos foram presentes às autoridades judiciárias competentes e foi-lhes aplicada a medida de coação de prisão preventiva​​​​​

A Polícia Judiciária (PJ) intercetou um veleiro em alto mar com 47 fardos de cocaína, num total de 1.470 quilos, e deteve dois homens estrangeiros a quem foi decretada prisão preventiva. 

Em comunicado, a PJ explicou que desencadeou nos últimos dias uma operação de combate ao tráfico transcontinental de droga, que permitiu localizar e depois intercetar, em alto mar, um veleiro que estava a fazer uma travessia do oceano Atlântico.

“Após a interceção de tal embarcação e da realização das competentes buscas na mesma, foram encontrados um total de 47 fardos de cocaína com um peso bruto total de cerca de 1.470 quilos, que foram apreendidos juntamente com diversa documentação e outros objetos com interesse para a investigação em curso”, explicou esta força policial.

A “Operação Ibéria”, realizada através da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, com o apoio da Marinha e da Força Aérea, contou também com a colaboração da Agência Nacional de Crime (NCA) do Reino Unido e da agência norte-americana de combate ao tráfico de droga (DEA).

A investigação em curso em Portugal iniciou-se na sequência de troca de informação no Centro de Análise e Operações Marítimas - Narcóticos (MAOC-N)., com sede em Lisboa, adiantou também a PJ.

Na embarcação intercetada seguiam dois homens, ambos estrangeiros e com experiência em navegação, que acabaram detidos, realçou ainda.

Os detidos foram presentes às autoridades judiciárias competentes e foi-lhes aplicada a medida de coação mais gravosa, prisão preventiva​​​​​.

 

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados