Jerónimo explica a operação urgente: "Era impossível aguentar até ao fim da campanha eleitoral com este problema"

11 jan, 16:53

Secretário-geral do PCP vai ser operado esta quinta-feira e fica fora da campanha durante 10 dias. Vai ser substituído por João Oliveira e João Ferreira. Ficou tocado com a solidariedade manifestada pelos adversários políticos

PUB

O líder do PCP falou esta terça-feira da intervenção cirúrgica à qual será submetido devido a estenose da carótida que foi detetada em "exames de rotina" - uma operação que tem um "risco relativo", admitiu, perante os jornalistas.

Intervindo na sua última ação de campanha antes da cirurgia, Jerónimo de Sousa disse que "era impossível aguentar até ao fim da campanha eleitoral tendo em conta esse mesmo problema", mas disse estar confiante de que "daqui a uma semana" voltará "à estrada".

PUB

"A vida tem destas coisas, mas aqui estou, pronto para travar o combate, naturalmente com esta dificuldade, mas penso que, com a arte e sorte do cirurgião, é possível que daqui a uma semana já esteja outra vez na estrada", assinalou."Mais uns dias e podem contar comigo para o bem e para o mal", salientou o líder do PCP.

O secretário-geral do PCP deixou ainda uma palavra ao líder do PSD, Rui Rio, que aceitou a substituição do líder do PCP por João Oliveira no debate previsto para quarta-feira. "É um exemplo de que pode haver combate sem tréguas no plano politico, mas naturalmente há valores", indicou. 

PUB
PUB
PUB

Questionado sobre por que razão João Oliveira e João Ferreira foram os nomes apontados para o substituir na sua ausência na campanha eleitoral, Jerónimo de Sousa lembrou que ambos integram da direção do partido e são candidatos à Assembleia da República. "É uma contribuição valiosa de dois candidatos à Assembleia da República", vincou, acrescentando que "não é mais do que isso".

Jerónimo de Sousa agradeceu ainda as manifestações públicas de "apreço" e de "solidariedade" que tem recebido da parte de várias figuras com "responsabilidades institucionais muito grandes", como a Presidência da República, a presidência da Assembleia da República e o primeiro-ministro, bem como comentadores, entre outros, admitindo que estas declarações são "das melhores coisas" para um político, sobretudo quando não partilham da mesma ideologia ou política. "[Estas declarações] permitem-me ter um sentimento de que é possível sair por cima desta situação, (...) e confiar nos médicos com uma vontade clara de voltar ao terreno de combate", afirmou. E classificou como "tocantes" estes gestos.

PUB
PUB
PUB

Jerónimo de Sousa, vai ser submetido a uma operação urgente esta quinta-feira no Hospital Egas Moniz e vai falhar a campanha das eleições legislativas enquanto estiver a recuperar, sendo substituído por João Ferreira e João Oliveira. De acordo com um comunicado divulgado pelo partido, o dirigente comunista vai ser submetido “uma intervenção cirúrgica urgente da estenose carotídea (à carótida interna esquerda), que não pode ser adiada para depois das eleições”.

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Partidos

Mais Partidos

Patrocinados