Marijuana deixa de ser proibida na NBA: «É como o vinho», defende Durant

26 jul 2023, 19:44
Kevin Durant (AP Photo/Chris Carlson)

A estrela dos Phoenix Suns aplaudiu o uso legal da substância entre os jogadores

Kevin Durant, estrela dos Phoenix Suns, aplaudiu o fim da proibição da marijuana entre jogadores da NBA. 

«Falei com o Adam Silver [comissário da NBA] e pedi-lhe para retirar a marijuana da lista de substâncias proibidas pela Liga. O estigma que há com a marijuana já não é tão negativo como antes. Não te afeta de forma alguma e eu desfruto da planta O que é que ele me disse? Concordou», começou por dizer durante a participação num programa da CNBC.

O extremo contou ainda que o responsável máximo da NBA sentiu o cheiro a marijuana quando ambos se encontraram para discutir o assunto.

«Ele sentiu o cheiro assim que entrei. Portanto, não houve muito que tivesse de dizer, entendes? De certa forma ele percebeu o que se estava a passar. É a NBA. Todos fumam na liga, vamos ser honestos. Nesta altura a marijuana é como beber vinho», partilhou.

A substância era proibida até agora. No último acordo coletivo de trabalho, que vigorou entre 2017 e 2023, o consumo de marijuana levava a uma suspensão de cinco jogos em caso de três resultados positivos para a substância, com os jogadores a estarem sujeitos a quatro testes por ano.

Em maio deste ano, foi decidido que, na renovação do contrato coletivo de trabalho, a proibição iria ser levantada e a utilização de marijuana totalmente legalizada.

Relacionados

Patrocinados