"A situação não se compara à da semana passada". Proteção Civil registou 40 ocorrências em todo o país da meia-noite às 7:15

CNN Portugal , AM/AF
20 dez 2022, 07:38
Mau tempo em Lisboa (Horacio Villalobos/Getty Images)

Coimbra é o distrito mais afetado, com 10 ocorrências

A Proteção Civil registou 40 ocorrências em território nacional entre a meia-noite e as 7:15, confirmou fonte da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil à CNN Portugal. 

De acordo com a mesma fonte, a maioria das ocorrências foram quedas de árvores (13) e pequenas inundações (17).

"Nada com gravidade. A situação não se compara à da semana passada", acrescentou.

As ocorrências aconteceram todas nos distritos do litoral, sendo Coimbra o distrito mais afetado, com 10 ocorrências.

Oito distritos de Portugal continental estão até às 09:00 de hoje sob aviso laranja, o segundo mais grave numa escala de quatro, devido à chuva forte e persistente, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Estes oito distritos, de Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Leiria, Lisboa, Santarém, Setúbal e Viseu, estão com aviso laranja até às 09:00, passando depois a amarelo até às 16:00.

De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), os distritos de Beja, Braga, Bragança, Évora, Faro, Guarda, Portalegre, Porto e Vila Real estão sob aviso amarelo também por causa da chuva até às 15:00 de hoje.

O aviso laranja indica situação meteorológica de risco moderado a elevado e o amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

A Proteção Civil elevou na segunda-feira o nível de alerta de amarelo para laranja em oito distritos face às previsões de chuva intensa para o final do dia e alertou para a possibilidade de inundações em meio urbano.

O alerta especial para nível laranja aplica-se nos distritos de Braga, Viana do Castelo, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria, Setúbal e Lisboa, disse o comandante nacional da ANEPC, André Fernandes, durante uma conferência de imprensa.

O nível laranja é o segundo mais elevado numa escala de quatro e representa um grau de risco elevado, existindo a possibilidade de ocorrência de fenómenos invulgares que podem causar danos a pessoas e bens, colocando em causa a sua segurança.

O período crítico será até às 09:00 de hoje com possibilidade chuva forte, trovoadas e rajadas fortes de vento.

Relacionados

Meteorologia

Mais Meteorologia

Patrocinados