Já se sabe de onde veio o objeto cilíndrico que deu à costa em Green Head

CNN Portugal , ARC
1 ago 2023, 13:06
Objeto desconhecido na Austrália (twitter/debapratim)

Aconteceu na Austrália. E intrigou os australianos e não só

Muito se especulou mas poucas eram as certezas sobre a origem do misterioso e enferrujado objeto cilíndrico que deu à costa na praia australiana de Green Head. Mas agora a Agência Espacial Australiana revela o que é: um foguetão indiano.

Este “lixo espacial”, como ficou conhecido depois de ser descoberto a 250 quilómetros de Perth, na Austrália Ocidental, é então um Veículo de Lançamento de Satélite Polar (PSLV, na sigla original) em terceiro estágio, concluiu a agência. A informação foi depois confirmada à BBC pelo porta-voz da agência espacial da Índia.

Em causa está um veículo de lançamento de média altitude operado pela Organização de Investigação Especial Indiana (ISRO, na sigla original), que é usado para colocar satélites em órbita. A identificação do objeto é possível, como explica a arqueóloga espacial Alice Gorman ao órgão britânico, com base na sua aparência.

A origem já se conhece, mas o futuro do foguetão indiano está ainda por determinar. Sudhir Kumar, porta-voz da agência indiana, diz que cabe agora à Austrália decidir o que fazer agora com o objeto. 

Segundo o departamento para os Assuntos do Espaço Sideral da ONU, os países são obrigados a devolver objetos espaciais estrangeiros nos seus territórios.

O que foi inicialmente considerado como “lixo espacial” foi levado para um local secreto, como avançou o The Guardian aquando da descoberta, por se temer que pudesse representar um perigo para a saúde pública.

Os australianos já mostraram interesse em ficar com este objeto. O primeiro-ministro, Roger Cook, já tinha sugerido colocar o “lixo espacial” num museu local, enquanto os moradores locais, citados pela ABC, gostariam de o tornar uma atração turística.

Relacionados

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados