Paulo Sérgio: «É uma frustração grande não sair com os três pontos»

Nuno Dantas , Estádio Cidade de Barcelos
21 abr, 18:31
Famalicão-Portimonense (Foto: Manuel Fernando Araújo/LUSA)

Treinador do Portimonense lamenta a falta de eficácia da equipa

Paulo Sérgio, treinador do Portimonense, na sala de imprensa, após igualdade (2-2) frente ao Famalicão:

«É uma frustração grande não sair com os três pontos, com as condicionantes que  jogo teve, mas principalmente pela ineficácia que tivemos. A este nível paga-se caro e a frustração é essa. Falhamos muitas ocasiões e depois vamos sofrer golos de bola parada que não podem acontecer. Podíamos ter uma frustração ainda maior.

O que o jogo e os números mostram é isto, claro que beneficiados pela expulsão. A sensação é de frustração por não ter levado os três pontos. Prefiro olhar para o copo meio cheio do que o copo meio vazio. Temos de continuara a trabalhar ara que a sorte nos bafeje.

Não entramos mal na segunda parte e até tivemos uma clara ocasião de golo. O golo do Famalicão traz um peso e uma carga. Todos sabemos onde erramos.

No futebol quem não marca morre. Fomos refrescando, fomos tentando coisas diferentes, mas no fim a frustração é essa, temos várias ocasiões de golo e quando não se marca, nestas circunstâncias, a frustração ainda é maior».

Relacionados

Patrocinados