Schmidt: «Lautaro Martínez é fantástico, um dos melhores da Europa»

2 out 2023, 18:31

Treinador do Benfica elogia avançado do Inter na véspera do duelo em San Siro

Roger Schmidt destaca Lautaro Martínez, avançado do Inter Milão, como «um dos melhores avançados da Europa» e, na antevisão do jogo desta terça-feira, espera que a equipa italiana foque o seu jogo na capacidade de finalização do argentino. Quando ao ataque do Benfica, o treinador alemão deixou tudo em aberto.

Lautaro Martínez tem dez golos marcados na presente temporada, quatro deles marcados no último jogo, frente à Salernitana. «É sempre difícil comparar avançados, mas ele mostrou no último jogo que é fantástico. Quatro remates, quatro golos em 20 ou 25 minutos. Se ele consegue isso, claro que é de máxima qualidade. Além dos golos, é um jogador muito inteligente no posicionamento e a encontrar o momento certo para estar disponível e, depois, tem uma grande finalização», começou por elogiar Schmidt.

O treinador alemão espera, assim, um Inter à procura de Lautaro Martínez em campo. «É um jogador de topo, o Inter foca-se muito nele, todos os companheiros procuram por ele e encontram-no. Penso que está em grande forma e, nesta altura, é um dos melhores avançados da Europa», acrescentou.

Quanto ao Benfica, Petar Musa tem sido a principal referência, mas Schmidt também já jogou em um ponta de lança fixo na frente. «É sempre tudo possível, mas nós jogamos quase sempre com um ponta de lança. O ano passado jogávamos sempre com o Gonçalo Ramos, ele saiu, agora temos novas opções na frente, temos o Kasper [Tengstedt], o Arthur [Cabral] e o Petar Musa», referiu.

Entre as opções para o ataque, Musa parece estar outra vez no topo da lista. «O Petar tem estado muito bem nos últimos jogos, é por isso que tem tido mais oportunidades. Para o Arthur é mais difícil porque chegou a seguir, tem de se adaptar ao estilo de jogo da equipa, portanto tentamos dar-lhe o máximo de minutos para lhe tornar as coisas mais fáceis. É um bom jogador, uma excelente pessoa, amanhã precisamos de uma boa abordagem do onze inicial, mas também vai ser importante que os nossos jogadores que vão ficar no banco estejam prontos, porque vamos precisar deles», destacou.

Um jogo que, nas palavras de Schmidt, também pode ser decidido a partir do banco, não só do lado do Benfica, mas também do Inter. «O nosso adversário também tem muitas boas alternativas no banco. Vamos precisar de energia fresca, armas novas e de fazer mudanças táticas a partir do banco», destacou ainda.

Relacionados

Benfica

Mais Benfica

Mais Lidas

Patrocinados