Donos do Leicester dizem que equipa de campeões é para manter

3 mai 2016, 14:46
A festa dos adeptos de Leicester (REUTERS)

Clube é detido pelo empresário tailandês Vichai Srivaddhanaprabha

Os donos do Leicester, detido por um empresário tailandês, querem manter os principais jogadores da equipa que acaba de conquistar um inédito e incrível título de campeã inglesa. 

«O Leicester não é um clube que vá vender os seus jogadores. Como tenho dito desde o primeiro dia, queremos criar as bases de uma grande equipa», disse Aiyawatt Srivaddhanaprabha, vice-presidente do clube, a um canal televisivo tailandês. De caminho, o dirigente  garante que «todos os jogadores querem permanecer» no Leicester, que vai estrear-se na próxima época na Liga dos Campeões, para verem «até onde podem ir».

«Temos mais planos para os próximos seis meses», disse ainda o vice-presidente dos Foxes, falando em planos para reforçar a equipa.

O Leicester foi adquirido em 2010 por Vichai Srivaddhanaprabha, o «rei do duty-free» na Tailândia. Há sete anos jogava no terceiro escalão do futebol inglês, há duas épocas subiu à Premier League, o ano passado foi 14º e agora chega ao topo, à frente de todos os gigantes ingleses. 

Relacionados

Patrocinados