Investigação sobre acidente que vitimou piloto em Foz Côa emite primeiros dados na 2.ª feira

Agência Lusa , NM
16 jul, 19:12

Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF) vai ainda realizar “trabalhos de perícias técnicas através de testes e ensaios”

O gabinete de investigação de acidentes aéreos iniciou, este sábado, os trabalhos para apurar as causas do acidente, sexta-feira, com um avião de combate a incêndios, que vitimou o piloto, remetendo para segunda-feira a divulgação dos factos entretanto apurados.

Em comunicado, o Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF) afirma que a equipa enviada para o local registou e analisou este sábado, no local do acidente, o estado dos destroços da aeronave, os quais vão ser transportados para o hangar de investigação que possui no aeródromo de Viseu, para realizar “os trabalhos de perícias técnicas através de testes e ensaios”.

“O GPIAAF prevê publicar no final da próxima segunda-feira, dia 18, uma nota informativa dando conta dos factos apurados, conforme confirmados até essa data, e dos passos seguintes da investigação”, pode ler-se.

Relacionados

País

Mais País

Patrocinados