Greenpeace alerta para risco muito elevado de escassez de alimentos e água no Médio Oriente

Agência Lusa , BC
2 nov, 15:20
Haiti

Organização ambientalista alerta para efeitos das alterações climáticas no Médio Oriente e norte de África, que terão impactos "na agricultura e na saúde humana"

O Médio Oriente e o norte de África encontram-se "extremamente vulneráveis" aos impactos das alterações climáticas e correm um "risco muito elevado" de escassez de alimentos e água, avisou hoje a Greenpeace, antes da abertura da COP27 no Egito.

"A região do Médio Oriente e do norte de África é extremamente vulnerável aos efeitos das alterações climáticas", alertou a Greenpeace num relatório hoje divulgado, advertindo ainda para um "risco muito elevado de escassez de água" com "impactos negativos na agricultura e na saúde humana".

O novo estudo, que confirma que a região tem vindo a aquecer a um ritmo acelerado de 0,4 graus Celsius por década desde os anos 80, "quase o dobro da média global", centra-se em seis países - Líbano, Argélia, Egito, Tunísia, Marrocos e Emirados Árabes Unidos.

A ONG adverte que, em alguns locais da região, as temperaturas máximas podem exceder os 56 graus Celsius.

Com mais de 400 milhões de habitantes, os países do Médio Oriente e norte de África são fortemente dependentes das importações de alimentos, situação que poderá ser exacerbada em caso de seca e escassez de água.

Os agricultores e as pessoas mais pobres são "particularmente vulneráveis ao aumento da temperatura, à escassez de água e a eventos climáticos extremos", devido aos seus baixos rendimentos e à sua dependência "desproporcionada" da agricultura local, disse a Greenpeace.

Os países produtores de petróleo da região, liderados pela Arábia Saudita e pelos Emirados Árabes Unidos, prometem alcançar a neutralidade carbónica e investir mais em energias alternativas.

O Egito acolhe a conferência da ONU sobre o clima COP27 de 06 a 18 de novembro em Sharm el-Sheikh. A próxima edição, COP28, terá lugar nos Emirados Árabes Unidos em 2023.

Relacionados

Clima

Mais Clima

Patrocinados