Jovem de 21 anos foi o primeiro soldado russo levado a tribunal por crimes de guerra na Ucrânia

18 mai, 15:05
O soldado Vadim Shishimarin, de 21 anos, foi o primeiro russo a ser julgado por crimes de guerra cometidos na Ucrânia. A partir de um tribunal de Kiev, o militar confessou-se culpado.

Europa

Mais Europa

Patrocinados