Receita fiscal aumenta 21,6% até julho para mais de 28 mil milhões de euros

Agência Lusa , FMC
26 ago, 22:51
Preços, dinheiro, euro, inflação, economia. Foto: Marijan Murat/picture alliance via Getty Images

Crescimento da receita fiscal nos primeiros sete meses do ano resulta da evolução quer dos impostos diretos (IRS e IRC), quer dos indiretos

A receita fiscal do Estado aumentou 21,6% até julho face ao mesmo período do ano passado, totalizando 28.156,1 milhões de euros, segundo a Síntese da Execução Orçamental esta sexta-feira divulgada.

“Em termos acumulados, a receita fiscal líquida do subsetor Estado nos primeiros sete meses de 2022 encontra-se 21,6% acima do valor registado no mesmo período de 2021”, refere a informação divulgada pela Direção-Geral do Orçamento (DGO), lembrando que no período homólogo do ano passado estavam ainda em vigor restrições à atividade económica, o que faz com que os períodos não sejam diretamente comparáveis.

O crescimento da receita fiscal nestes primeiros sete meses de 2022 resulta da evolução quer dos impostos diretos (IRS e IRC), quer dos indiretos.

Por comparação com os primeiros sete meses de 2021, há a registar um aumento da receita de 4.998,9 milhões de euros.

Economia

Mais Economia

Patrocinados