Saiba tudo sobre o Euro aqui

IRS: não validei nenhuma fatura e já não vou a tempo de o fazer - vou perder as minhas deduções?

5 abr 2023, 10:03
Finanças IRS (AFP/Getty Images)

O ECO escolheu algumas dicas do Guia Fiscal da Deco Proteste para ajudar os contribuintes na altura da entrega do IRS, que serão partilhadas diariamente

A campanha do IRS já arrancou, no primeiro dia do mês, mas há quem tenha ainda dúvidas sobre a entrega desta declaração. Alguns têm o trabalho facilitado, estando abrangidos pelo IRS automático, mas, mesmo assim, certos aspetos poderão ainda estar por esclarecer. A resposta às perguntas mais frequentes dos contribuintes pode ser encontrada no Guia Fiscal 2023, da Deco Proteste.

Há vários contribuintes com acesso ao IRS automático e os mais novos podem optar pelo IRS Jovem. Entre as novidades deste ano, onde já se pode sentir o efeito das novas tabelas de retenção na dimensão do reembolso, encontra-se o desdobramento de escalões de IRS, de sete para nove.

O ECO selecionou algumas dicas disponibilizadas pela Deco Proteste para ajudar a esclarecer todas as dúvidas, que serão partilhadas diariamente

Não validei nenhuma fatura e já não vou a tempo de o fazer para as faturas de 2022. Vou perder as minhas deduções?
Não. Embora a situação ideal preveja a validação das despesas pendentes na plataforma e-Fatura até 25 de fevereiro, para que o sistema informático importe automaticamente todas as deduções, ainda pode incluir manualmente as despesas de saúde, educação, lares e imóveis de cada membro do agregado familiar. Veja como proceder no capítulo “Deduções”, a partir da página 37. Entretanto, para que tal não aconteça no próximo ano, pode ir já validando as despesas de 2023 à medida que estas fiquem disponíveis na plataforma e-Fatura.

Leia aqui a dica anterior disponibilizada pela Deco Proteste

Relacionados

Negócios

Mais Negócios

Patrocinados