Morreu o bispo auxiliar de Lisboa

Agência Lusa , AM
4 nov, 12:19
Bispo Daniel Batalha Henriques (Agência Eglesia)

Daniel Batalha Henriques tinha 56 anos

O bispo Daniel Batalha Henriques, que ocupava o lugar de auxiliar de Lisboa, morreu na madrugada desta sexta-fiera, aos 56 anos, informou o Patriarcado.

O prelado, que se encontrava doente, vivia numa unidade de cuidados paliativos e fora visitado esta semana pelo cardeal patriarca de Lisboa, Manuel Clemente, que, na quarta-feira, numa mensagem divulgada no site do Patriarcado, reconhecia que aquela unidade poderia “ser o último tempo da (…) vida [de Daniel Batalha Henriques] neste mundo”.

“Acabo de estar com ele e asseguro-vos de que está sereno e em paz. Lembra-vos a todos e por todos se oferece também, clérigos e leigos, de paróquias, movimentos e grupos”, escreveu Manuel Clemente.

Natural da freguesia de Santo Isidoro, Mafra, Daniel Batalha Henriques foi ordenado padre em 01 de junho de 1990, no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa.

Em 13 de junho de 2018 foi nomeado, pelo Papa Francisco, bispo auxiliar de Lisboa, tendo recebido a ordenação episcopal em 25 de novembro desse ano.

O corpo de Daniel Batalha Henriques será velado na Sé de Lisboa a partir das 18:00 de hoje, informou ainda o Patriarcado, citado pela agência Ecclesia.

A missa exequial vai ser celebrada no sábado, às 11:00, na Sé, presidida pelo cardeal-patriarca de Lisboa, e o corpo vai depois para a Igreja Paroquial de Santo Isidoro, onde chegará pelas 16:00, sendo sepultado no cemitério local, acrescenta.

País

Mais País

Patrocinados