Meyong comanda V. Setúbal: «Estou cá só para um jogo ou dois»

30 out 2019, 15:08
Meyong (foto: Maisfutebol)

Técnico assumiu equipa depois de Sandro Mendes se ter despedido e vai estrear-se diante o Santa Clara

O treinador do Vitória de Setúbal, Meyong, que assume o comando da equipa de forma interina, garantiu, esta quarta-feira, que só estará «para um jogo ou dois», adiantando querer os «jogadores alegres e que desfrutem do futebol», no embate diante o Santa Clara.

«Estou cá só para um jogo ou dois, no máximo. Não tenho intenção de ficar como treinador principal. A verdade é que não estava à espera. O Sandro é um colega e um amigo. Foi, é e vai continuar a ser um símbolo do clube. No tempo que esteve cá fez um bom trabalho. Conseguiu a permanência e a equipa, em termos de classificação, não está assim tão mal. É uma opção da direção que não vou comentar», começou por dizer o técnico, em conferência de imprensa de antevisão à nona jornada do campeonato.

Meyong comentou a situação que se vive no balneário e acredita que os jogadores não se «podem deixar afetar», adiantando que «a semana foi mais de conversa do que treino», mas que a equipa está «bem preparada», rematando:  «Vamos lá para fazer golos e ganhar.»

«O balneário não se pode deixar afetar com esta situação. Pelo que vi nas muitas conversas que tivemos, os jogadores estão bem e estão motivados. Isso é o mais importante para mim», apontou.

«A semana foi mais de conversa do que treino. Os processos já nós temos. Com o tempo que tive também não há tempo para fazer grandes coisas. O mais importante é o aspeto mental porque a cabeça é que manda no corpo. Se a cabeça estiver bem, rende-se mais. Os jogadores passaram-me a ideia de que estão bem e, por isso, estou satisfeito e confiante para amanhã.»

«Quero os jogadores alegres e que desfrutem do futebol. Têm uma profissão boa. Quando jogava gostava muito, eles têm de jogar e divertir-se porque só assim podem ter mais rendimento. Queremos conseguir um bom resultado. O Santa Clara tem uma boa equipa, sabemos com quem vamos jogar e estamos bem preparados. Vamos lá para fazer golos e ganhar. Dou essa garantia», concluiu.

Depois do empate a zeros com o Marítimo, que ditou o despedimento de Sandro Mendes, Meyong vai estrear-se no banco do Vitória de Setúbal, 13º classificado, diante o Santa Clara, 15º, esta quinta-feira, às 20h15, no Estádio de São Miguel.  

Patrocinados