Macron não desiste de aumentar a idade da reforma - e os sindicatos já ameaçam com protestos

11 jan, 22:23

Emmanuel Macron anunciou o início de um projeto-lei que promete ser bastante controverso. A idade da reforma em França deverá aumentar dos 62 para os 64 anos até 2030.

Os sindicatos já ameaçaram fazer manifestações, como explica a correspondente da CNN Internacional em Paris, Melissa Bell.

Europa

Mais Europa

Patrocinados