"Estamos a uma linhazinha da entrada direta da NATO" no conflito na Ucrânia

28 jun, 20:03

A Ucrânia diz ter destruído o centro de comunicações especial russo na Crimeia, descrevendo-o como um componente militar valioso para a comunicação e navegação por satélite das forças russas. O coronel Carlos Mendes Dias analisa o impacto deste ataque, admitindo que possam surgir “algumas consequências na navegação via satélite dos próprios militares no terreno”.

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados