25 trabalhadores feridos após "caminho de fogo" durante atividade de team building

CNN Portugal , FMC
15 jun, 19:37
Caminho de fogo (Anadolu Agency/ Getty)

Participantes sofreram queimaduras e mais de metade estão internados com queimaduras de segundo e terceiro graus

Vinte e cinco pessoas foram tratadas para queimaduras depois de caminharem sobre carvão quente, na Suíça, na sequência de uma atividade de team building de uma empresa, de acordo com as autoridades locais. 

Os serviços de emergência foram alertados para ferimentos num evento privado na península de Au, no Lago de Zurique, terça-feira à noite, disse a polícia daquele cantão. No local estiveram duas equipas médicas e cerca de dez ambulâncias.  

As autoridades confirmaram que 25 pessoas receberam tratamento médico, das quais 13 foram hospitalizadas devido a queimaduras de segundo e terceiro graus. Foram recolhidas provas e as autoridades deram início a uma investigação sobre as circunstâncias do incidente. 

De acordo com o jornal suíço Tages-Anzeiger, tratou-se de uma iniciativa para fomentar a união de equipa, promovida pela empresa de marketing Goldbach Group. O objetivo do chamado "caminho de fogo" é ultrapassar medos, limites e fortalecer a confiança individual. 

O CEO da empresa, Michi Frank, lamentou o sucedido e que pediram logo ajuda assim que perceberam "que alguma coisa estava mal". 

Um orientador deste tipo de eventos explicou ao jornal suíço que "é responsabilidade do 'treinador' determinar se é o momento certo para iniciar o caminho". "Se for demasiado cedo, situações destas podem ocorrer", sublinhou. 

Para a Goldbach Group, "neste momento, o foco principal é cuidar dos trabalhadores". "O próximo passo é investigar as circunstâncias do acidente e decidir sobre uma futura ação."

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Europa

Mais Europa

Patrocinados