«Ricardo Horta? É uma novela que se tem arrastado e tenho pena»

7 ago, 20:34
Artur Jorge no Sp. Braga-Sporting

Artur Jorge após o empate do Sp. Braga com o Sporting

Artur Jorge, treinador do Sp. Braga, em declarações na zona de entrevistas rápidas da Sport Tv, após o empate com o Sporting, na primeira jornada da Liga.

«Assistimos a uma grande partida, muito viva, com duas equipas a querer ganhar. Mesmo em desvantagem, nunca deixámos o Sporting confortável e tivemos capacidade para recuperar o resultado. Mostrámos um grande caráter e é uma identidade que queremos no Sp. Braga. Demos uma resposta muito positiva frente a um rival que tem grande qualidade. Com esta atitude, vamos estar sempre mais perto de ganhar.

Tivemos oportunidades porque trabalhámos muito para elas. Estamos a tentar trazer uma ideia nova, fomos muito competitivos, nem sempre competentes, mas somámos um ponto frente a um rival direto. Na segunda parte o jogo partiu-se, tivemos mais oportunidades pela nossa forma de jogar.»

[já estava para lançar Abel Ruiz e Djaló quando o jogo estava empatado 2-2]

«Preparei a mudança quando estávamos 2-2. Queria procurar objetividade e ser mais rápido para ir atrás do 3-2. Não mudei de ideia porque tínhamos de marcar para não perder. Fomos felizes com essa mudança, mas o mérito é dos jogadores que entraram e acrescentaram sempre valor. O que procuramos é ter todos comprometidos.»

[Sobre a imagem de Ricardo Horta a despedir-se dos adeptos]

«Não tenho essa informação [de que o jogador vá sair para o Benfica]. O Ricardo fez mais um belo jogo. Vamos ver o que vai acontecer, é uma novela que se tem prolongado e tenho pena que se continue a falar do Ricardo e menos do Sp. Braga. É desconfortável para a equipa. Os destaques foi falar sobre o Ricardo e nós merecemos mais respeito enquanto coletivo e não apenas por um excelente jogador que temos no nosso plantel.»

Já na sala de imprensa, o técnico referiu que o gesto de Ricardo Horta após o jogo «foi normal» e não uma despedida. «Percebo a curiosidade. Mas, o Ricardo, em todos os jogos o Ricardo assumia, como capitão, o papel de cumprimentar os adeptos. Foi um gesto normal, como sempre, de agradecer ao público».

 

Relacionados

Benfica

Mais Benfica

Patrocinados