Governo tem 700 milhões de euros para a expansão dos metros de Porto e Lisboa

22 set, 07:15
Condicionamento no trânsito próximo do Bom Sucesso (Rob Dammers)

REVISTA DE IMPRENSA. Fundos não cobrirão todo o investimento. Áreas metropolitanas deverão indicar as ligações prioritárias

O programa PT2030 terá 700 milhões de euros destinados à expansão das redes de metro e metrobus, noticia o JN esta quinta-feira.

Os fundos não cobrirão todo o investimento nos metros do Porto e Lisboa, pelo que os autarcas das duas áreas metropolitanas deverão indicar as ligações prioritárias para que estas beneficiem dos apoios europeus.

“É bom lembrar que estamos, neste momento, com um plano de investimentos fortíssimo. Só nas áreas metropolitanas, o Metro do Porto tem em curso 830 milhões de euros e Lisboa 920 milhões”, refere o secretário de Estado da Mobilidade Jorge Delgado ao jornal, que refere que o processo de definição de prioridades “será um trabalho a concluir até ao final deste ano”.

Delgado sublinha que os 700 milhões não irão só para os metros de Porto e Lisboa, mas também para projetos de metrobus, como o de Braga. “Teremos, também, apostas noutras zonas”, adianta.

Apesar de admitir que, para dar uma resposta total às expansões das redes de metro nas áreas metropolitanas, será preciso mais que os 700 milhões, o secretário de Estado assinala que o governo PS investiu, desde 2015 até hoje, que foram executados 4,3 mil milhões de euros em investimentos e apoios à mobilidade, o que “corresponde a cerca de 2% do PIB nacional”.

Relacionados

Economia

Mais Economia

Patrocinados