Greve judicial está a libertar traficantes de droga em Lisboa

24 abr, 14:10
Processos

Nas últimas horas, estão a ser libertados pelo menos cinco traficantes de droga que tinham sido apanhados nas chegadas do aeroporto com grandes quantidades de cocaína

A paralisação dos funcionários judiciais, sem serviços mínimos fixados, está a levar esta quarta-feira à libertação de vários detidos apanhados por crimes em flagrante delito - sem que o Ministério Público e os juízes de instrução tenham condições de realizar os interrogatórios judiciais. Só em Lisboa, por exemplo, a CNN Portugal sabe que no Tribunal Central estão a ser libertados nas últimas horas pelo menos cinco traficantes de droga que tinham sido apanhados nas chegadas do aeroporto com grandes quantidades de cocaína provenientes da América do Sul.

Por lei, os suspeitos têm que ser presentes ao tribunal em 48 horas após a detenção, o que não está a ser possível assegurar uma vez que não haverá funcionários judiciais, para garantir as diligências, até sábado.

Relacionados

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados