Prisão preventiva para padre que violou mulher durante prática de exorcismo

Henrique Machado , Com Lusa
24 dez 2021, 17:29
GNR
GNR

Caso ocorreu em Vila Real. Quando PJ estava a deter o homem, havia uma fila de pessoas à espera para recorrer à prática de exorcismo

PUB

A Polícia Judiciária de Vila Real deteve esta sexta-feira, e já ficou em prisão preventiva, o padre Humberto Gama, de 82 anos, por suspeitas de violação de uma mulher a pretexto de práticas de exorcismo.

Durante o momento em que a PJ o estava a deter, havia uma fila de gente à porta de casa do padre para recorrer a práticas de exorcismo, sabe a CNN Portugal.

PUB

A violação da vítima, de 47 anos, terá ocorrido a 21 de dezembro, em Murça. O homem ter-se-á aproveitado da fragilidade e vulnerabilidade da vítima, de acordo com a PJ de Vila Real avançou à Lusa. 

O padre vai aguardar julgamento em prisão preventiva, a medida de coação mais gravosa, após ter sido detido na manhã desta sexta-feira e presente ao Tribunal de Instrução Criminal.

Lembre-se que, como a TVI já tinha noticiado, este homem já havia sido detido, noutras ocasiões, nomeadamente em Fátima, por crimes semelhantes.

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados