Alegações finais no julgamento de Ricardo Salgado marcadas para 8 de fevereiro

António Assis Teixeira , Atualizado às 17:12
6 jan, 16:46

Presidente do coletivo de juízes voltou a manifestar interesse em que Ricardo Salgado esteja presente em julgamento. Defesa tem 10 dias para responder às alterações não substanciais propostas pelo Ministério Público

PUB

As alegações finais no julgamento de Ricardo Salgado estão marcadas para o dia 8 de fevereiro às 9:30 horas, altura em que o Ministério Público e a Defesa do ex-banqueiro vão poder esgrimir argumentos perante o coletivo de juízes para pedir uma condenação ou uma absolvição.

Foi assim encerrado esta quinta-feira o processo de produção de prova no Campus da Justiça, em Lisboa e a defesa de Ricardo Salgado tem agora 10 dias para responder às alterações não substanciais na pronúncia, propostas pelo Ministério Público.

PUB

Estas alterações estão relacionadas com lapsos de escrita, datas e ainda referências a algumas transferências que estão a ser alvo de análises neste julgamento relativo a três crimes de abuso de confiança no âmbito da Espírito Santo Enterprises, conhecido como o “saco azul” do GES.

O presidente do coletivo de juízes manifestou novamente interesse para que Ricardo Salgado compareça nas alegações finais, mas a defesa, em declarações à CNN Portugal, avançou que não é expectável que o faça, tendo em conta as condições de saúde do antigo presidente do BES que já tinha pedido suspensão de processo por diagnóstico de Alzheimer.

PUB
PUB
PUB

A última testemunha a ser ouvida foi Jean Luc Schneider, um contabilista que teve várias funções em muitas empresas do Grupo Espírito Santo e, através de videoconferência, respondeu às perguntas do coletivo de juízes. O processo em que Ricardo Salgado está a ser julgado foi separado da Operação Marquês

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados