Cada vez mais portugueses optam por comprar gás em Espanha

15 nov, 07:59
Botijas de gás a metade do preço em Ayamonte

REVISTA DE IMPRENSA. Em Tui, a cerca de dois quilómetros de Valença, o gás chega a custar metade do preço português

Cada vez mais portugueses optam por comprar gás em Espanha, onde o preço da unidade é quase metade do valor praticado em Portugal, noticia o Jornal de Notícias esta terça-feira. 

Na cidade de Tui, no dia 31 de outubro, a botija de 12,5 quilos de gás butano custava 19,55 euros, enquanto a unidade de 11 quilos de propano era vendida a 17,20 euros. Deste lado da fronteira, em Valença, os preços das mesmas unidades são muito superiores: o gás butano custa 27,66 euros e o gás betano 28,44 euros (respetivamente, 8,11 e 11,24 euros mais caros do que em Espanha). 

O Jornal de Notícias refere ainda que muitos portugueses optam por viajar até ao país vizinho para encher o depósito de combustível e levar botijas de gás. Alguns clientes portugueses viajam mesmo dezenas de quilómetros até ao posto de combustível de Tui (fazendo notar que "só uma garrafa de gás [paga] a deslocação"), mas outros garantem jamais abastecer em Portugal, uma vez que os preços praticados na cidade fronteiriça "não têm nada a ver" com aqueles que se praticam em terras portuguesas",

"Quem vive em Valença, não usa gás nem combustíveis de lá. Os portugueses vêm todos aqui", garante um português residente, ele próprio, em Valença.

Dinheiro

Mais Dinheiro

Patrocinados