Funcionários judiciais vão iniciar ano judicial com uma greve geral - e depois haverá greves "criativas"

14 jul 2023, 18:17
justiça (pexels)

Com esta paralisação, os funcionários judiciais admitem estar em causa a prescrição de muitos processos

Os funcionários judiciais vão iniciar o ano judicial com uma greve geral, marcada já para o dia 1 de setembro.

O anúncio foi feito pelo Sindicato dos Funcionários Judiciais, que promete fazer greves “criativas”. E dá um exemplo: greve a uma sessão de julgamento, a uma leitura de sentença, apenas e somente durante uma jornada de trabalho.

Com esta paralisação, os funcionários judiciais admitem estar em causa a prescrição de muitos processos.

Os funcionários judiciais estão esta sexta-feira em greve, com vários tribunais parados devido à falta de pessoal. Na segunda-feira, por exemplo, uma paralisação no Tribunal de Gaia teve uma adesão foi de 100%.

País

Mais País

Mais Lidas

Patrocinados