Kenedy revela que ficou viciado nos casinos: «Perdi quase tudo»

1 jun 2020, 10:14
Daniel Kenedy (Lusa)

Ex-jogador revela problema em entrevista ao Record

Daniel Kenedy, antigo futebolista, revelou ao «Record» que teve um problema com o vício do jogo e acabou por perder quase todas as poupanças em casinos.

«Há uns anos comecei a jogar no casino e fiquei viciado. Na altura em que estava no Leixões deixei de frequentar o casino, mas depois voltei. A cabeça estava lá. Foi uma das razões que me levaram a deixar o futebol. Na vida tudo se sabe e isso também me afastou de alguns projetos. Por mais que quisesse disfarçar, o problema persistia», revela.

Kenedy explica que o problema começou depois de ter sido afastado do Mundial2002, devido a um caso de doping, mas piorou quando esteve no Sp. Braga (2003/04). O vício abrandou um pouco durante os anos em que jogou no estrangeiro (2005 a 2011), mas voltou a piorar depois.

«Há cerca de dois anos que estou recuperado, mas passei por uma fase muito difícil. Não estava a viver bem. No meio de tudo isto, perdi muita coisa. Eu e a minha família», afirmou.

«Já não tinha quase nada. Perdi quase tudo no jogo. E quando não temos, recorremos a outras pessoas. A certa altura torna-se uma bola de neve. Na fase final, antes de parar, já ia mais ao casino para cumprir com as responsabilidades que tinha assumido com essas pessoas. Já não era o vício a falar», acrescentou Kenedy, que começou a participar em reuniões com outras pessoas com o mesmo problema.

Patrocinados