Saiba tudo sobre o Euro aqui

Angola chama por David Carmo: «Corresponde ao que procuramos na diáspora»

16 fev, 18:44
David Carmo (EPA/MIGUEL A. LOPES)

Selecionador das «palancas negras» revela que, tratada da burocracia, o momento de forma do defesa central determinará a eventual convocatória em junho

Está nas mãos de David Carmo a opção de representar Angola. De acordo com o selecionador das «palancas negras», o defesa central até já aceitou o convite.

«Tem vindo a ser abordado há bastante tempo no sentido daquilo que procuramos incorporar na diáspora angolana. Até aqui, o David mostrou-se ponderado, tranquilo, nunca fechou a porta, mas queria definir o seu futuro. O David corresponde ao perfil de jogador que pretendemos encontrar. Na posição e por ser jogador com um passado de experiência, com o aporte de ser força motriz para todos os outros jogadores», disse Pedro Soares Gonçalves, na tarde desta sexta-feira, à Antena 1.

Então, o que falta para o defesa, emprestado pelo FC Porto ao Olympiakos, ser chamado à seleção de Angola?

«Disponibilidade da parte do jogador, assim como tratar de questões burocráticas, como as autorizações. E ainda a questão de o jogador estar num bom momento e merecer essa convocatória», rematou o selecionador angolano.

Depois da campanha histórica na CAN, até aos «quartos» da prova, onde caiu diante da Nigéria de José Peseiro, Angola voltará à competição em junho.

Quanto a David Carmo, o defesa central foi campeão europeu de sub-19 por Portugal, em 2018. Recorde-se que o jogador nasceu em Aveiro – onde iniciou a carreira como atleta, no basquetebol – mas guarda ascendência angolana, pelo pai.

Relacionados

Patrocinados