Fogo na Covilhã está em fase de conclusão

Agência Lusa , PP
12 ago, 10:25
Incêndio na Covilhã (Miguel Pereira Da Silva/ Lusa)

“Neste momento, o incêndio está em fase de conclusão, vigilância e rescaldo, assim como estão a ser realizados trabalhos de consolidação do perímetro do incêndio” em Tortosendo, afirmou o comandante dos Bombeiros Voluntários da Covilhã

O incêndio que deflagrou na tarde de sexta-feira no Tortosendo, concelho da Covilhã, está em fase de conclusão, mas ainda estão no local 276 bombeiros e 76 meios terrestres, declarou hoje à Lusa o comandante dos Bombeiros Voluntários da Covilhã.

“Neste momento, o incêndio está em fase de conclusão, vigilância e rescaldo, assim como estão a ser realizados trabalhos de consolidação do perímetro do incêndio” em Tortosendo, concelho da Covilhã, distrito de Castelo Branco, afirmou o comandante dos Bombeiros Voluntários da Covilhã Luís Marques.

De acordo com o responsável dos bombeiros, no local ainda “estão 276 bombeiros e 76 meios terrestres de combate a incêndio”.

“Temos a informação que o incêndio atingiu alguns armazéns agrícolas, mas não há registo de habitações ardidas. Ainda não foi feito o levantamento de quantos armazéns foram atingidos pelo fogo”, acrescentou Luís Marques.

Segundo o comandante dos bombeiros da Covilhã, “pelas estimativas realizadas, arderam cerca de 86 hectares” em zona de mato.

“Vamos manter-nos aqui durante todo o dia em vigilância, porque vai aumentar a temperatura e aumentar ligeiramente o vento. Sendo esta uma área tão extensa, poderá haver alguma reativação e nós temos os meios no local para combater esta situação”, adiantou Luís Marques.

O alerta para o fogo foi dado pelas 15:00 de sexta-feira e a Estrada Nacional 230 (EN 230), via na serra da Estrela, que liga a Covilhã a Tortosendo e Unhais da Serra, chegou a estar encerrada ao trânsito.

País

Mais País

Patrocinados